• Jill Muricy

A ESSÊNCIA do AMOR

SIMPLES como o orvalho sobre as FLORES em uma manhã de PRIMAVERA, assim é o AMOR quando encontra ABRIGO.

Mulher pensativa/Foto: autor desconhecido


Mais ILUMINADA que a LUZ do SOL é a ALMA que o possui. Tão ALTO quanto o céu, e maior que o INFINITO é a sua GRANDEZA.

Não há como esconder o AMOR, é parecido com PERFUME, tudo que o pertence, cheira.

Ele CURA os corações feridos, dá SENTIDO à VIDA, CAPACITA os amedrontados.

AMAR é a maior RIQUEZA que alguém pode TER, sem ele a pessoa se torna miserável ainda que possua todos os TESOUROS do mundo.


O AMOR é ETERNO, a FORÇA dele ultrapassa os limites do TEMPO para nos alcançar. Um esforço dessa proporção de fazer o TEMPO entrar na ETERNIDADE e a ETERNIDADE entrar no TEMPO, somente o AMOR é CAPAZ de fazer.


O MAJESTOSO AMOR escolhe morar onde é ACOLHIDO, nas pessoas e relacionamentos que vão sustentá-lo até o fim, sem deixá-lo de lado dizendo que ele acabou ou morreu.

O AMOR embeleza tudo ao seu redor, ele gera VIDA e a VIDA com AMOR gera FELICIDADE. Tudo que provém dele é RICO em ABUNDÂNCIA e PREENCHE a ALMA.


SE o nosso CORAÇÃO deseja AMOR muito mais o AMOR nos deseja. Fomos criados para ele, nele, com ele. Razão maior da nossa EXISTÊNCIA.


Minhas palavras não são suficientes para descrever a SIMPLICIDADE do AMOR, muito falado pouco conhecido e praticado. Posso afirmar: o AMOR é uma das infinitas definições do próprio Autor, DEUS.
































































Destaque
Tags